WWW.JOTAALCIDES.COM.BR
JORNALISTA, ESCRITOR, EDITOR, ENSAISTA E ROMANCISTA

 BEM VINDO AO MUNDO DO JORNALISMO E DA LITERATURA
 
 
DEPOIMENTOS

MARCOS VILAÇA
Escritor. Ministro do TCU e presidente da Academia Brasileira de Letras.

"Com aplicado tirocínio jornalístico, Jota Alcides dá-nos um trabalho significativo Apresenta valiosos indicadores de ação, reação e reflexão que muito facilitam a percepção do fenômeno Padre Cícero, que tanto destaque tem ocupado na vida dos nordestinos”.

In prefácio ao livro “Padre Cícero –
O Poder de Comunicação”(1990)

VAMIREH CHACON
Escritor. Cientista Político e professor da Universidade de Brasília.

"Jota Alcides conhece por dentro jornal, rádio e televisão. Por isso, tem-se colocado à frente do que há de mais enraizado na imprensa e na radiodifusão no Brasil. Jota Alcides tem paixão pelo jornal, é um comunicador nato, por vocação. Ele entende da Linguagem da Massas".

In prefácio ao livro "Linguagem das Massas(1992).

GUSTAVO KRAUSE
Escritor. Governador de Pernambuco e ministro do Governo Fernando Henrique Cardoso

"Com vocação guerreira pernambucana, Jota Alcides, parecido com um general romano, veio(com o corpo todo e alma partida), viu(com os olhos da sensibilidade), venceu(com o farol da razão) e continua vencendo(com o trabalho incansável e lúcida inteligência”.

In prefácio ao livro “Explosão da Massas”(1993)

PAULO CABRAL DE ARAÚJO
Jornalista. Presidente dos Diários Associados e presidente da Associação Nacional de Jornais.

”Com senso de jornalista e sensibilidade de escritor, Jota Alcides, caririense do Ceará, sempre atento às questões regionais e nacionais, conseguiu extrair do mestre Austregésilo de Athayde, um verdadeiro documento à memória histórica e social do Nordeste”..

In prefácio ao livro “Padre Cícero segundo Mestre Athayde”(1996).

BARBOSA LIMA SOBRINHO
Escritor. Governador de Pernambuco e presidente da Associação Brasileira de Imprensa

"Como pernambucano, sinto-me honrado, feliz e agradecido pela homenagem de Jota Alcides à minha cidade. Visto como Berço Brasílico, o Recife de Jota Alcides é um belo painel montado com a lucidez da razão, mas pintado com as tintas da paixão”..

In prefácio ao livro “O Recife – Berço Brasílico”(1998)
)

m MARCO MACIEL
Escritor. Governador de Pernambuco, presidente do Congresso e vice-Presidente da República.

”Jota Alcides vem enriquecer e valorizar ainda mais o invejável acervo cultural de Perrnambuco, indispensável para compreensão do Brasil, desde os agitados dias do passado colonial e imperial aos dias de hoje de fortalecimento de sua Independência”.

In prefácio ao livro “
Marquês do Recife, Benemérito da Pátria" (2004)

EDUARDO CAMPOS
Escritor. Diretor da Ceará Rádio Clube e presidente do Instituto do Ceará.

"Aplaudido jornalista e escritor Jota Alcides é conciso, ágil, exato na apreensão do interesse maior do fato que cuida, não atenuando o julgamento que emite e o fazendo independente de adesão emocional,circunstancial. É jornalista de aplicação irretocável”.

In prefácio ao livro “O Cronista do Cariri”(2007)

ARMANDO FERRENTINI

Jornalista. Presidente da Editora Referência, em São Paulo, especialista em Marketing.

“Obra impecável do jornalista Jota Alcides, brilhante texto com aquela condição sempre apregoada por Thomas Edson: “Criatividade é 90% de traspiração e10% de inspiração. O autor transpirou para desenvolver este trabalho. O produto final é excelente”.

In prefácio ao livro “Manchester do Cariri”(1999).
)

MAURO BENEVIDES
Escritor. Deputado, senador, Presidente do Congresso Nacional.

“Possuidor de talento fulgurante, abordando, sempre, aspectos da vida política brasileira.
Jota Alcides é detentor de estilo primoroso, que o projeta como articulista de méritos incontáveis, com destaque nacional”.

In discurso na Câmara Federal(29/10/2008)
 
n="c
 

MENU
M Mestres em Humanismo